Jason Rothenberg fala sobre Clexa, Octavia e responde perguntas sobre Bellamy

Jason Rothenberg fala sobre Clexa, Octavia e responde perguntas sobre Bellamy

Clarke pode estar tentando buscar a paz em The 100 e enquanto Lexa está dando suporte a esse objetivo, mudando o lema de anos “sangue se paga com sangue,” não será fácil.

E também está muito difícil estar em Arkadia agora, Chanceler Pike continua seguindo seus planos (controversos) – primeiro atacando e matando o que era apenas uma tropa de proteção enviada por Lexa, e mais recentemente, criando um grande limite em torno de Skikru e afastando os Terra-firme para protegê-los em m futuro mais próximo.

O que também tem sido controverso é o envolvimento de Bellamy para com Pike em seus grandes planos.

Com as apostas ficando maiores a cada semana, o Access Hollywood conversou por telefone com o Produtor Executivo, Jason Rothenberg, para mais informações sobre os personagens, incluindo o fato de que se Clare vai perceber que o braço direito de Lexa, Titus, tem alguns conflitos com as decisões tomadas e sobre as suas influências sobre a Comandante.

AccessHollywood.com: Por um acaso Clarke sabe que Titus provavelmente não gosta dela?

Jason Rothenberg: Clarke conhece as pessoas e definitivamente sente a tensão que está com Titus e sabe que ela tem grandes influências sobre Lexa de maneiras que Titus não prova. Certamente, vimos no episódio 6 a cena entre os dois onde Titus estava assustadoramente a esperando em seu quarto, então eu acho que a resposta é sim, e ela entende que é uma trajetória difícil na qual eles estão traçando juntos, esse caminho de não violência, a paz, vai ser muito difícil para o mundo, especialmente o tipo de cultura dos Terra-firmes de sempre atacar, de certa moda mudou. Mudanças são difíceis, creio que ela já sabe o que esperar, mas Lexa acredita nela. Ela acredita que Lexa será capaz de conseguir, e provavelmente existe um pouco de propósito em tudo isso, porque ela sabe que se Lexa não conseguir alcançar esses objetivos, eles vão acabar com o seu povo e isso significa não só Pike, que realmente merece isso, e sem dúvida Bellamy por agora também, mas também pessoas das quais não merecem.

AccessHollywood.com: Falando em Bellamy, o que ele realmente estava pensando que iria acontecer quando algemou a Clarke? Ele pensou que Pike ia conversar com ela calmamente e depois tudo ficaria tranquilo? Creio, na minha opinião, que ele iria colocá-la em grande perigo.

Jason Rothenberg: Sabe, Pike não demonstrou – ainda – nenhum desejo de querer matar  seu próprio povo. Talvez isso seja algo que irá mudar, mas quem sabe, certo? Bellamy acredita que Clarke esteja em perigo lá fora e ele realmente acreditou que estaria fazendo um bem à ela naquele momento – que por último, ele estaria a mantendo em segura a colocando naquela posição, e em seguida, os Terra-firmes iriam atacar e ele tomaria as devidas providências. Agora mesmo que isso pareça loucura, certamente fica a critério de quem vê, mas em sua mente, quando ele estava algemando-a, ele não pensando que estaria a levando para ser executada por punida, e sim a estava levando para conversar com Pike sobre os seus próximos movimentos, e que se ela não entregasse o jogo, provavelmente ela ficaria sendo uma prisioneira com todos os seu benefícios, assim como ela foi em Polis, no começo da temporada.

AccessHollywood.com: Então… sobre a situação de Octavia. Creio que Bellamy esteja em uma situação bem difícil no momento. Que tipo de desafios iremos vê-lo enfrentar a diante com a sua irmã sendo um alvo? 

Jason Rothenberg: Certamente irá fazer com que ele reveja a psicologia e o modo como Pike governa, de um jeito nunca visto antes. Creio que ultimamente Pike tenha sido muito esperto, ele sabe o quão importante Bellamy é e naquela cena, você percebe quando eles começam a falar sobre Octavia, e ele desconversa e tenta culpar outra pessoa e é sábio o suficiente para saber que Bellamy provavelmente não fará isso é não lhe pedirá permissão, pelo menos nesse assunto. Mas questão que ronda Bellamy é, o quão longe ele irá ainda conseguir ir? Em que ponto ele vai – como você pode querer interpretar – acordar ou em que momento ele irá perceber em uma conversa que tudo está indo muito longe e ele não vai conseguir fazer isso mais? Isso vai acontecer? Bem, veremos.

AccessHollywood.com: Um caminho sombrio que alguns personagens, vulgo Jaha e Raven, estão escolhendo com esse tipo de culto da AI.. O quão mais sombrio irá ficar? Apenas olha isso é,  nossa! A gente só quer gritar e falar “Afaste-se daí, agora!” 

Jason Rothenberg: (Risos) É, essa história, ela definitivamente vai ficar mais sombria. Ela vai começar a ficar mais e mais importante. Começamos a perceber quais são verdadeiros  problemas que ingerir o chip pode fazer é essa é uma história com um grande potencial que iremos contar a seguir.

AccessHollywood.com: Eu tenho que lhe perguntar sobre o romance que temos na série. Está na cara que Clarke e Lexa estão se aproximando. Há algo que fique no meio delas agora – creio que o perdão já foi conquistado. Elas estão dispostas a passarem por cima do que ocorreu na segunda temporada em Mount Weather. 

Jason Rothenberg: Sim, creio que a única coisa que fique em seu caminho agora é a política dos Terra-firmes. É um mundo onde existe uma guerra… Os 12 clãs e Skikru – será que ela vai ficar segura, ela vai ser bem-vinda, ela vai sobreviver a isso – é a única coisa que pode manter elas afastadas, e para mim essa é uma boa história de amor – e elas se amam, e talvez elas não vão ser capazes de ficarem juntas porque estão em lados opostos da guerra. E se ela ficar em Polis com Lexa, então ela será uma traidora pelo seu povo, e se ela for embora, então ela deixará a mulher que, claramente, ela ama. Então,  é uma decisão difícil. Porém, creio que o perdão pelos acontecimentos da última temporada, já foi merecidamente conquistado por Lexa. 

AccessHollywood.com: Algo parece estar rolando entre Abby e Kane – ou estamos muito errados sobre isso?

Jason Rothenberg: Não, você não está errada sobre isso. Existe realmente algo acontecendo entre eles.  Eu amo ambos os personagens, e penso que isso é interessante. Os atores tem uma química muito boa e isso é algo que iremos ver mais adiante.

© Tradução: Andressa Montagna – Equipe The 100 Brasil – Não reproduza sem os créditos