Jason Rothenberg e Bob Morley defendem a decisão de Bellamy no episódio 4×02 – “Heavy Lies the Crown”

Jason Rothenberg e Bob Morley defendem a decisão de Bellamy no episódio 4×02 – “Heavy Lies the Crown”

O episódio desta quarta-feira de The 100 ofereceu um fio de esperança para o povo de Arkadia na forma de um gerador hidrogenado, mas quando a missão de resgate toma uma caminho inesperado -Bellamy escolhe explodi-lo, ao invés de trazer para casa, para liberar um grupo de prisioneiros – o plano já fragilizado de sobrevivência da Raven basicamente cai aos pedaços.

“A questão que deve ser ressaltada é que as decisões que o Bellamy faz é porque ele é posto em situações difíceis e muito delicadas,” Bob Morley diz ao TVLINE sobre a controvérsia escolha do seu personagem no último episódio. “Pessoas que não estavam lá podem dizer que foi idiota e mal pensado, mas quando você está em um momento onde coisas horríveis estão acontecendo na sua frente, as vezes você apenas precisa agir no que é certo.”

Morley ainda acrescenta que a sua decisão entre vida-e-morte foi meramente o que será a jornada de Bellamy na quarta temporada, o que irá “abranger a sua visão sobre o que significa ser um Grounder, Skaikru e humano.”

“Bellamy ainda sente o peso da culpa de diversas decisões que ele fez, então ele está tentando fazer o que é certo,” Jason Rothenberg acrescenta. “Ele escolhe salvar vidas no momento…o que tem sido o lema de Clarke durante toda a série.”

E falando na Clarke, Rothenberg sugere que a decisão de Bellamy no episódio desta semana – o que não foi diferente do que a Clarke fez em Mount Weather – pode trazer os dois personagens para um nível de entendimento ainda maior.

“Clarke e Bellamy, de muitas formas, sempre foram o coração da série,” ele diz. “Na primeira temporada, seu relacionamento era antagônico, uma vez que eles aprenderam a trabalhar juntos, tudo começou a tomar o seu devido lugar em termos da probabilidade de sobrevivência deles como um grupo… Gosto das chances quando eles estão juntos.”

Agora vamos trocar de assunto e falar sobre o meu mais novo relacionamento favorito, Abby e Kane, cujo relacionamento é “importante” para Rothenberg como prova de que “pessoas nos seus quarenta e quase cinquenta anos de idade ainda podem ter uma história de ama o sexy e apaixonada na TV.”

“Esses dois personagens já progrediram tanto desde o primeiro episódio, lá atrás eles eram oponentes,” ele diz. “Abby ainda está naquele dilema de ser o compasso moral da série, mas Kane também mudou tanto que agora é uma história de amor real e viável. e os atores tem uma ótima química.”

The 100 vai ao ar toda quarta-feira, na CW.

© Tradução: Andressa Montagna – Equipe The 100 Brasil – Não reproduza sem os créditos.