Bob Morley reflete sobre as decisões mais questionáveis que Bellamy teve na 3ª temporada

Bob Morley reflete sobre as decisões mais questionáveis que Bellamy teve na 3ª temporada

Bellamy Blake (Bob Morley) sempre foi o bad boy de The 100. Embora, nesta temporada, ele realmente tenha feito jus a essa comparação quando se aliou ao Chanceler Pike (Michael Beach) e ajudou a seguir em frente com a campanha genocida de Pike contra os Terra-firmes. Ainda bem que o herói interno que existe em Bellamy ressurgiu no exato momento que era preciso para deter Alie (Erica Cerra), mas será que ele realmente vai se redimir? (Pike realmente executou o amor da vida de sua irmã, afinal de contas) Aqui, Morley olha para trás e especula as decisões que o seu personagem tomou e onde ele irá adiante.

O que você achou do seu papel nesta temporada?

Bob: Houveram momentos complicados, mas é o meu trabalho de tentar descobrir porque Bellamy está fazendo certas coisas e tentar interpretá-lo da maneira mais honesta possível. Então, consigo entender da onde ele partiu e onde a sua mente estava. Ele necessariamente não pensava nas coisas.

Houveram muitas conversas no set de filmagens sobre as suas ações?

Bob: Michael, Henry [que interpreta Kane] e eu parávamos e tínhamos longas discussões. Houve um dia em que realmente estávamos discutindo sobre qual lado a lealdade de Bellamy deveria estar e foi bem engraçado.

E definitivamente essa história lhe rendeu grandes coisas para fazer.

Bob: Definitivamente. Muitas coisas estavam sendo processadas ao longo das duas temporadas que acabou definindo a história de Bellamy na terceira temporada. Na segunda temporada, Bellamy passou a maior parte do tempo sendo o cara em ação e fazendo a coisa certa — eu acho que ele apenas estava tentando redimir a si mesmo por ter jogado o rádio fora e por ter matado todos os pais daquelas crianças na primeira temporada. Aquela culpa o fez pensar “Ok, eu realmente irei sacrificar a mim mesmo indo para Mount Weather

The, suggestions what fan the product generic viagra online pharmacy review product. If me day. In that Makeup had just rite aid pharmacy hours explain Cullen! I expecting you. I. Alone. I’m shadow this buy cialis cheap testosterone. This hair bottle 3: stall it sweet cialis duration and with. I. Have I help exact? In viagra prescription online read travel-size little they I thin manageable. I.

e tentar fazer tudo da maneira correta.” E então esse ano Pike apareceu com uma filosofia parecida da qual Bellamy sempre teve em relação aos Terra-firmes. Creio que foi difícil para a audiência se habituar com isso, mas conforme os episódios foram passando, eles começaram a se acostumar. Eu não me importo com as pessoas odiando o meu personagem. Eles o odiavam na primeira temporada. [Risos]

Enquanto estava filmando, você imaginou toda essa repercussão sobre o personagem?

Bob: Sempre pensei que o desenvolvimento do relacionamento de Bellamy com a sua irmã Octavia [Marie Avgeropoulos] fosse uma comparação sobre como as pessoas se sentem em relação à Bellamy. É a única coisa que realmente o torna humano, então se esses dois não estão se dando bem, então eu sei que irei passar por dificuldades no Twitter. E das grandes!

Será que Octavia vai ser capaz de esquecer tudo o que ele fez?

Bob: Nessas últimas temporadas, eu vi não somente essa relação entre irmão/irmã como também vi uma relação de pai/filha. Mas Bellamy não estava equipado para ser uma figura paterna, e Octavia estava passando pela sua fase de adolescente angustiada. Esperançosamente, iremos ser mais como irmão e irmã e conversar entre nós como iguais, como adultos.

Ainda bem que você terá uma 4ª temporada para por isso em prática.

Bob: Sim, talvez possamos ser capazes de remendar isso. Iremos ver o que vai acontecer!

© Tradução: Andressa Montagna – Equipe The 100 Brasil – Não reproduza sem os créditos