Rhiannon Fish fala sobre como foi seu teste para The 100, o que podemos esperar de Ontari e muito mais!

Rhiannon Fish fala sobre como foi seu teste para The 100, o que podemos esperar de Ontari e muito mais!

Rhiannon Fish deu uma entrevista para Starry Constellation Magazine falando sobre a sua personagem em The 100, Ontari. Veja a seguir o que ela nos contou sobre Ontari, as suas alianças no futuro e como foi aprender Trigedasleng.

Q: Quando você foi escalada para interpretar Ontari, quais informações lhe deram sobre a personagem?

Rhiannon Fish: Foi interessante porque eu já havia feito um teste com uma das cenas de Lexa na 2ª temporada, que foi a sua primeira cena na série. Ela está disfarçada como uma serva e então se revela como a Comandante. Isso foi interessante porque havia sido a primeira vez que fiz um teste onde eu já havia visto essas cenas serem filmadas. Então, eu entendi que haviam algumas semelhanças entre as personagens, mas claro, eu também queria me tornar única do meu modo porque as duas personagens são muito, muito diferentes. Então, em adição à cena, eu tive somente a informação de que ela era uma Terra-firme e que foi ferozmente leal ao seu povo. Isso foi tudo o que me disseram.

Q: O que lhe atraiu para o papel?

Rhiannon Fish: Eu sempre gostei muito da série, então quando eu vi o e-mail na minha caixa de entrada e estava escrito “The 100” eu fiquei muito animada. Eu não me importava qual personagem seria — eu apenas estava muito animada com a oportunidade de fazer um teste para a série.

Q: O que você pode compartilhar conosco sobre as dinâmicas entre Ontari e Roan?

Rhiannon Fish: Eu acho que essa é uma pergunta muito interessante porque no meu ver existe uma lealdade ali pelo fato de ambos serem da Nação do Gelo. Mas Ontari é o tipo de personagem que coloca a si mesma acima e antes de todo mundo. Então, se ela tiver que passar por cima de Roan (Zach McGowan) para conseguir o que quer, ela com certeza irá fazer isso. Ele é o rei, mas ela é uma Sangue da Noite. Então, ele sabe que ela tem algum poder mesmo ele sendo o rei.

Q: Qual é a atual dinâmica da Ontari com a Nação do Gelo já que a rainha está morta?

Rhiannon Fish: Foi bem interessante para mim porque quando eu estava lendo os episódios eu não sabia o quão avançado era o relacionamento entre a rainha e Ontari. Então, quando a rainha morreu eu não fazia a menor ideia sobre o que aquilo significava. Ontari era uma adoradora da rainha? Eu não fazia a menor ideia do que o relacionamento delas era. Então, eu fiquei bem interessada em ver no episódio 3×09 como Ontari se sentia em relação a rainha e realmente me surpreendeu o modo como ela seguia a rainha Nia.

Q: Vamos aprender mais sobre o passado de Ontari e os ensinamentos que a rainha lhe passou?

Rhiannon Fish: Sim, e eu acho que uma das coisas bem legais em The 100 é que o Jason [Rothenberg] faz um trabalho excepcional dando aos personagens uma história do passado. Ninguém é mal porque nasceu assim. Tudo que os personagens fazem está relacionado com algo que aconteceu com eles no passado. É isso que achei legal no episódio 3×09 porque descobrimos o que aconteceu com Ontari e o que a rainha fez à ela para lhe tornar do jeito que é agora.

Q: Será que iremos descobrir também que ela recebia informações sobre Clarke e Lexa e o seu relacionamento?

Rhiannon Fish: Bem, pelo que eu reuni do episódio 3×09… Eu sinto que esse não seja o foco principal de Ontari. Ela não está muito preocupada com as relações de outras pessoas ou com o Povo do Céu. Ela tem somente um objetivo principal e um foco principal e isso é tudo com o que ela está preocupada. Você já deve ter visto o episódio 3×09, caso contrário, você vai descobrir quais são as suas intenções.

Q: The 100 tem algumas das mulheres mais ferozes da TV e eu já mencionei que elas parecem como super-heroínas.O que significou para você interpretar uma personagem tão ousada e inflexível como Ontari? 

Rhiannon Fish: Eu acho que foi bem legal. Eu sinto que essa série, se nós dissermos que é especial, é como um eufemismo. Creio que as personagens são tão fortes e eu amo isso. Elas não precisam de um homem para serem poderosas. Acho que isso é muito raro e muito especial. O que Jason está fazendo realmente é incrível e muito importante. Porque é verdade! Honestamente, não precisamos de um homem. Mas eu acho que as vezes na TV a mulher aparenta que precisa daquele príncipe ou cavalheiro de armadura brilhante. E então, as vezes as garotas na vida real pensam que precisam ser salvas por um príncipe ou cavalheiro de armadura brilhante. Mas nós somos muito mais do que capazes de lidar com as coisas da nossa maneira.

Q: Qual foi a sua transformação para se tornar Ontari?

Rhiannon Fish: O processo todo das cicatrizes é demais! Eu não fazia ideia do que eles iriam fazer e eu acho que eles também não faziam a menor ideia no dia. Eu apenas sentei lá e eles começaram a brincar com as cicatrizes. Uma vez que acabou e eles fizeram aquele penteado louco com dreads enrolados e a roupa… Uma vez que estava tudo pronto, você imediatamente sente que está em outro mundo e uma pessoa totalmente diferente, o que é muito maneiro. E acho bem interessante o modo como os Terra-firmes tem tatuagens e a Nação do Gelo tem aquelas cicatrizes. O certo é que tudo é possível no universo de The 100 e eles certamente não tem nenhum tipo de limite com cabelo ou traje.

Q: O figurino lhe dá uma nova vida quando você entra no papel. Nós todos certamente temos alguns problemas em nossas vidas que devemos superar, mas não de uma forma pós-apocalíptica. 

Rhiannon Fish: Meio que coloca tudo em uma perspectiva. Acho que as pessoas tem problemas reais, e conflitos reais e todos estão literalmente lutando para sobreviver. Isso por si só já é interessante. Eu trabalhei em uma série na Austrália onde um dos maiores problemas do dia foi ter uma briga com o meu namorado. Entretanto, nessa série nada disso importa. É uma situação de vida e morte todo santo dia em The 100 e acho que as apostas são tão importantes que fazer parte disso é muito emocionante e assisti-lo é ainda mais emocionante.

Q: Eu continuo dizendo que a cinematografia da série por si só já parece como um personagem. 

Rhiannon Fish: Absolutamente! É muito incrível. E então eles ainda tem toda essa coisa de Cidade da Luz. Eu nem consigo distinguir o que é a tela verde e o que é real  porque tudo parece tão mágico e incrível. Honestamente, eu não consigo parar de assistir.

Q: Como foi para você aprender Trigedasleng?

Rhiannon Fish: Para ser honesta com você, foi muito difícil! Mas eles fazem um grande trabalho com isso. Obviamente, eles estão na 3ª temporada então sabem o que estão fazendo. Eles te enviam uma frase de efeito sobre como deve soar e então eles escrevem foneticamente para você praticar. Mesmo assim, quando você vai para o set de filmagem existem tantas coisas acontecendo que isso é a primeira coisa que você esquece. Eu lembro de ter falado sobre isso com Zach e não importa quantas vezes você tenha praticado, vai ser a primeira coisa que você vai esquecer, com certeza. E então, a parte difícil é que você não pode perguntar para qualquer um, uma vez que é uma linguagem criada. Não é algo que você possa pesquisar no Google. Você apenas tem que escutar a frase de efeito muitas e muitas vezes, o que realmente ajuda. Eu escrevi de várias maneiras diferentes e repeti diversas e diversas vezes.

Q: Quando o assuno é The 100 fica difícil confiar em muitas pessoas. Até que ponto se encontra a confiança de Ontari?

Rhiannon Fish: Eu acho que isso é uma das coisas que a separa dos outros personagens da série. Na 3ª temporada e nas temporadas anteriores, os personagens realmente se esforçavam para se mostrar capazes para você. Na minha opinião, Ontari ainda é muito jovem e inocente, então quando alguém fala algo ela não duvida. Ela fica feliz quando as pessoas a levam em lugares que ela queira ir.

Q: Ela parece ser uma personagem que faz tudo com vigor.

Rhiannon Fish: Sim, é o minimo que ela pode fazer.

Q: Essa temporada parece ser sobre conexões. Quais conexões Ontari irá fazer futuramente?

Rhiannon Fish: Logo quando foi anunciado que eu estaria na série, essa foi uma das coisas que as pessoas estavam me perguntando — Com quem a sua personagem irá se aliar? Ou mais especificamente, com quem a sua personagem irá se envolver romanticamente? Não estou dizendo que tem alguém, mas certamente foi uma surpresa descobrir com quem eu iria contracenar grande parte de minhas cenas e acho que as respostas que ando tendo no Twitter, é no minimo a pessoa do qual as pessoas adivinharam. Então, estou esperando para ver o que os telespectadores vão achar quando virem Ontari com essa outra pessoa.

Q: Os fãs temem que ela possa se aliar à Clarke, mas nunca devemos subestimar o mundo de The 100.

Rhiannon Fish: Toda vez que eu sento… e eu sei o que acontece, mas todo vez que aparece na TV  é muito chocante. Eles tem um jeito de fazer você querer mais a cada final de episódio, mas de um modo absoluto e de choque total de como eles fizeram isso mais uma vez.

Q: Isso tem sido uma das coisas mais agradáveis para você, ver os fãs tentando juntar os quebra-cabeças e lançando suas teorias? 

Rhiannon Fish: Sim! E eu acho que The 100 tem uma das melhores bases de fãs que eu já pude presenciar — certamente através de todas as mídias sociais. Eu sei que eles são muito apaixonados. Eles já passaram por muitas situações em The 100 e eles ainda continuam apaixonados, o que é tudo o que você deseja e espera. Eu sou o tipo de pessoa que se eu sou viciada em uma série, a última coisa que eu faria seria conversar on-line porque eu ficaria com muito medo de acabar descobrindo um spoiler qualquer. Mas eles tem feito um trabalho ótimo em deixar tudo bem tranquilo para que todos apenas fiquem especulando. Algumas das especulações tem sido tão perto que eu não sei como eles fazem isso. Mas muitas dessas especulações não tem sido precisas. Então eu acho que todo mundo vai ser surpreendido, não importa como.

Q: Como você abordou o sigilo da série?

Rhiannon Fish: Eu tenho estado bastante receosa porque a última coisa que quero é acabar estragando algo. Então, antes de enviar qualquer coisa eu sempre verifico e certifico que tudo está bem. Até as fotos que tenho postado, as pessoas tem tirado conclusões. Havia uma foto que publiquei onde tinha um pedaço de corda bem no canto e todo mundo enlouqueceu! Eles pensaram que era o cabelo de Clarke e que ela estava morta no chão. Eu estava tipo “Vamos nos acalmar” Eu nunca iria publicar algo que fosse um assunto tão serio! [Risos] É engraçado e muito divertido de ver, com certeza. Eu sei que não os conheço pessoalmente, mas os fãs até agora… Eles tem sido muito amáveis comigo. Eu sei que ainda é muito, muito cedo e eles não sabem nada sobre a Ontari ainda, então uma vez que eles possam me conhecer melhor talvez as coisas mudem. Mas eu tento dar a eles todas as pequenas coisas que sou autorizada a dar porque eles certamente são muito pacientes, leais e muito, mas muito queridos.

Q: Eles tem expressado fortes sentimentos sobre Lexa e são muito leais a ela. Você está olhando adiante ou está nervosa sobre essa interação profunda da mídia social agora que estamos conhecendo Ontari?

Rhiannon Fish: Estou muito animada e ao mesmo tempo assustada porque eu quero que as pessoas lembrem-se que é apenas um personagem. Eu não resolvi caminhar até lá e escolher o que dizer ou fazer certas coisas. É um personagem que tem sido criado e estou apenas tentando retratar esse personagem. É totalmente separado da minha pessoa em si e eu sou uma grande fã da Lexa. Eu já disse isso diversas e diversas vezes e estou falando a verdade. Foi uma personagem incrível e Alycia [Debnam-Carey] é surpreendente. Eu não consigo parar de ver os seus trabalhos. Eu apenas quero que as pessoas tenham a consciência de que o que a Ontari fizer ou disser não é necessariamente o que eu diria e faria como indivíduo.

Q: Como foi para você ver a cena da luta entre Lexa e Roan?

Rhiannon Fish: Foi muito incrível e a coisa mais louca é que você simplesmente não sabe quantos cortes foram feitos ou quando um dublê entra. Em um dia, Zach e Alycia [Debnam-Carey] fizeram a luta do começo até o fim, os dois mesmo, literalmente, durante todo o dia. Nada disso era fumaça ou espelho. Era tudo eles! Ambos foram incríveis então foi um prazer imenso de assisti-los. Eles fizeram um excelente trabalho e quando a rainha acaba morta, ainda é muito chocante mesmo se você soubesse que isso iria acontecer. E Brenda [Strong] deu vida a uma vilã tão boa que se alguém tivesse que morrer, os fãs ficariam satisfeitos por ter sido a rainha e não Lexa.

Q: Quando eu assisti a essa cena, não pude evitar se não aplaudir que a rainha estava morta. Foi uma descarga de adrenalina completa durante aquela cena porque eu estava tão imersa no que estava acontecendo.

Rhiannon Fish: Absolutamente! Concordo com você. Eu acho que depois que você assiste a um episódio e ele acaba parece que você fez parte daquilo. Isso é muito raro de acontecer e muito legal que eles fazem isso. Creio que os créditos vão para o departamento de efeitos visuais, porque certamente eles fazem um bom trabalho ao fazer você se sentir parte da série.

Q: Em que você espera que os fãs tomem foco ou que mantenham em mente no que diz respeito à Ontari e o resto da temporada?

Rhiannon Fish: Eu acho que o que eu falei anteriormente, que quando você estiver assistindo lembre-se que é apenas um personagem e não eu. Eu sou muito sensível e sei que se as pessoas começarem a se colocar contra mim no Twitter, como pessoa eu realmente vou me sentir muito mal. E não quero que isso aconteça e não quero ter que me distanciar do Twitter, porque penso que a mídia social, como um todo, é incrível e é ainda mais incrível ter contato direto com as pessoas que assistem a série na qual você está. Eu quero fazer parte disso e espero que as pessoas não me ataquem como pessoa.

Q: O que você aprendeu fazendo parte da série?

Rhiannon Fish: Eu acho que aprendi muita coisa, mas principalmente foi incrível ver este grupo de atores e sentir que cada um deles realmente queria estar ali e estavam muito felizes de fazer parte disso. Eles são tão esforçados e talentosos. Estar na mesma sala e vê-los criando a série foi um privilégio e muito inspirador. Eu espero, futuramente, fazer mais parte dessa série incrível e seguir algo e fazer o mesmo que eles fazem porque eles são pessoas incríveis e de muito talento.

© Tradução: Andressa Montagna – Equipe The 100 Brasil – Não reproduza sem os créditos.

 

  • LUCAS

    Linda…